António Manuel Hespanha


António Manuel Hespanha
 é Professor Catedrático Jubilado da Faculdade de Direito da Universidade Nova de Lisboa, tendo sido também professor das universidades de Coimbra, Lisboa, Nova de Lisboa e Autónoma de Lisboa. Fora de Portugal, tem colaborado como professor ou investigador visitante em instituições universitárias da Alemanha, Argentina, Bélgica, Brasil, Canadá, China, Espanha, Estados Unidos, França, Índia, Itália, México, Noruega, Suécia e Suíça. Foi Comissário Geral para a Comemoração dos Descobrimentos Portugueses (1995-1999) e Presidente do Conselho Científico de Ciências Sociais e Humanidades da Fundação para a Ciência e Tecnologia (2007).

No seu extenso curriculum inclui-se a fundação e direcção das revistas Penélope: Fazer e desfazer a História e Themis: Revista da Faculdade de Direito da UNL e a autoria de mais de 150 artigos e cerca de 20 livros, maioritariamente no âmbito da história do Direito, das instituições, da cultura e dos sistemas políticos. Entre as suas obras mais representativas, podem referir-se: As Vésperas do Leviathan. Instituições e Poder Político (1994); História de Portugal moderno, político e institucional (1995, 2007); O Antigo Regime (vol. IV da História de Portugal, ed. José Mattoso, 1993); Panorama da História Institucional e Jurídica de Macau (1995); História militar de Portugal, vol. II, Época moderna (2004); Cultura jurídica europeia. Síntese de um milénio (20014); Guiando a mão invisível: Direito, Estado e lei no liberalismo monárquico português (2004); Hércules Confundido. Sentidos Improváveis e Variados do Constitucionalismo Oitocentista. O Caso Português (2009); Imbecillitas. As bem-aventuranças da inferioridade nas sociedades de Antigo Regime, São Paulo, Annablume (2011).

António Manuel Hespanha is Professor Emeritus at the Faculty of Law, New University of Lisbon and former Professor at the universities of Coimbra, Lisbon and Autónoma de Lisboa. Outside Portugal, Prof. Hespanha has been visiting professor or visiting researcher at universities in Germany, Argentina, Belgium, Brazil, Canada, China, France, India, Italy, Macau, Mexico, Norway, Spain, Sweden, Switerland and US. Former High Commisioner for the Commemoration of the Portuguese Discoveries (1995-1999) and chairman of the Scientific Board for Social and Human Sciences of the Foundation for Science and Technology (Portugal, 2007).

Prof. Hespanha was founder and the main editor of the Portuguese journals Penélope and Thémis, having published c. 150 articles in academic journals, in Portugal and abroad, and about 20 books, most of them addressing issues of legal history, institutions, political culture and political systems. Among his most representative works are: As Vésperas do Leviathan. Instituições e Poder Político (1994); História de Portugal moderno, político e institucional (1995, 2007); O Antigo Regime (vol. IV of the História de Portugal, ed. by José Mattoso, 1993); Panorama da História Institucional e Jurídica de Macau (1995); História militar de Portugal, vol. II, Época moderna (2004); Cultura jurídica europeia. Síntese de um milénio (20014); Guiando a mão invisível: Direito, Estado e lei no liberalismo monárquico português (2004); Hércules Confundido. Sentidos Improváveis e Variados do Constitucionalismo Oitocentista. O Caso Português (2009); Imbecillitas. As bem-aventuranças da inferioridade nas sociedades de Antigo Regime, São Paulo, Annablume (2011).